Menu fechado

Cidade de SP começa a vacinar neste sábado contra Covid crianças de 5 a 11 anos sem comorbidades

Imunização será feita com Pfizer nas crianças de 5 anos; a partir dos 6 anos, serão imunizados com a vacina disponível na unidade (Pfizer ou CoronaVac).

A cidade de São Paulo inicia neste sábado (22) a vacinação de crianças de 5 a 11 anos sem comorbidades.

Elas devem estar acompanhadas dos pais ou responsáveis no ato da vacinação. Crianças de 5 anos e aquelas de 5 a 11 anos imunocomprometidas devem ser imunizadas exclusivamente com a vacina Pfizer pediátrica. Já as que têm de 6 a 11 anos podem ser vacinadas com a CoronaVac.

No sábado, 205 Unidades Básicas de Saúde (UBS Polos) farão a vacinação (endereços estão sendo definidos pela prefeitura). Na segunda (24), a imunização de crianças será feita em todas as 469 UBSs.

Nesta quinta, a capital paulista recebe 801 mil doses da CoronaVac da Secretaria estadual da Saúde. É o quantitativo suficiente para fazer essa imunização sem a necessidade de escalonamento de grupos elegíveis, segundo o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido.

Vacinação no estado

O governo de São Paulo começou a aplicar a vacina CoronaVac em crianças nesta quinta-feira (20) e atualizou o calendário de vacinação infantil (veja as datas abaixo).

O uso do imunizante contra a Covid-19, produzido pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantanfoi aprovado para a faixa etária de 6 a 17 anos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no início da tarde.

Veja o novo calendário estadual de vacinação infantil contra Covid:

  • De 20/01 a 30/01 – Crianças de 9 a 11 anos sem comorbidades.
  • De 31/01 a 10/02 – Crianças de 5 a 8 anos sem comorbidades.
  • Desde 14/01 – Crianças de 5 a 11 anos com comorbidades, indígenas ou quilombolas.

Embora o governo estadual afirme que a vacinação de crianças com comorbidades começou nesta quinta (20), a coordenadora do Plano Estadual de Imunização (PEI), Regiane de Paula, reconheceu que os municípios ainda não receberam doses extras da CoronaVac para vacinar este público. Segundo ela, as cidades têm um prazo de 24h para iniciar a campanha.

Fonte: G1 SP

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.