Menu fechado

Metroviários decidem pela suspensão da greve e trens circulam normalmente em BH até o dia 1º de fevereiro

Uma nova assembleia será realizada no início do mês. Cerca de 100 mil pessoas dependem diariamente do metrô em Belo Horizonte e Contagem.

Trabalhadores do metrô, em Belo Horizonte, decidiram continuar operando o serviço normalmente até o dia 1º de fevereiro. A informação foi confirmada nesta quinta-feira (20) pelo presidente do Sindicato dos Metroviários (Sindimetro), Romeu Machado.

Os metroviários paralisaram parte do serviço no fim do ano passado. Na última segunda-feira (17), a categoria decidiu suspender o movimento até a realização de uma assembleia nesta quinta-feira.

De acordo com Machado, a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) deve responder aos questionamentos da categoria até o dia 27 de janeiro, prazo máximo definido pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), um dos mediadores do impasse. Os servidores têm dúvidas sobre a privatização da companhia e a manutenção dos empregos.

Ainda segundo o presidente, a CBTU também deve atender ao prazo exigido pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) que, neste caso, termina nesta sexta-feira (21). A assembleia do dia 1º de fevereiro vai discutir as respostas a serem enviadas pela empresa.

Segundo a CBTU, cerca de 100 mil pessoas dependem diariamente do metrô em Belo Horizonte e Contagem, as duas cidades atendidas pela linha.

Fonte: G1 Minas Gerais

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.